ROTEIRO BÁSICO EM MANCHESTER


Eu e o Mike visitamos Manchester semana passada. Terceira maior cidade da Inglaterra - atrás apenas de Londres e Birmingham - Manchester é muito conhecida pelos brasileiros por causa do futebol. A cidade é sede de dois dos mais famosos times de futebol do país:  o Manchester United e o Manchester City. 

Mas, historicamente, a importância da cidade é de outra natureza: Manchester foi palco central da Revolução Industrial na Inglaterra. A cidade, localizada no noroeste do país, cresceu muito durante o reinado da rainha Victoria (1837-1901), quando conheceu um espetacular desenvolvimento da sua indústria têxtil. Nessa época houve um enorme boom de migrantes; pessoas de várias partes do país e também da Escócia e Irlanda chegaram à Manchester atraídos pelas oportunidades de trabalho. 

Até hoje Manchester é um caldeirão cultural - além do enorme número de imigrantes, há milhares de estudantes estrangeiros. Para você ter uma idéia, são 153 línguas faladas na cidade! Por causa dessa diversidade cultural, um estudo classificou Manchester como uma  das cidades mais exóticas e interessantes do mundo. 

Eu e o Mike começamos nosso passeio pela cidade visitando Lowry  espetacular complexo de cultura e lazer, com galerias de arte, museus, pubs e restaurantes,  que tem uma arquitetura arrojada e moderna. 


O Centro Cultural Lowry:  arquitetura arrojada e espaço cultural com galerias de arte,  cinemas e teatro 
O centro Cultural Lowry por dentro

O espaço foi batizado em homenagem a L.S. Lowry, o mais importante artista plástico nascido na cidade. Lowry produziu algumas das mais significantes telas sobre a paisagem urbana da Inglaterra na primeira metade do século XX, retratando o dia-a-dia dos operários que trabalhavam nas fábricas na região. O visitante pode ver 400 obras de Lowry na galeria no segundo andar do prédio do centro cultural. Eu recomendo muito a visita a esse sensacional espaço cultural - 

Do centro cultural, caminhamos pelos canais construídos no século XVIII e usados para facilitar a entrada de carvão na região; eles dão à cidade um certo charme veneziano.

Atravessando os históricos canais de Manchester

Chegamos então, ao centro da cidade, onde a maioria dos prédios datam da época Vitoriana. 
Albert Square,  no centro de Manchester
Assim como em Liverpool (cidade onde eu moro), o estilo de muitos prédios públicos e comerciais construídos nessa época é o neoclássico, com suas grandiosas colunas e materiais nobres (mármore e granito) e seguindo o modelo dos templos greco-romanos e das construções do renascimento italiano. A idéia era ostentar a riqueza e o desenvolvimento da cidade através da arquitetura de prédios, como o da Biblioteca Central e o da Prefeitura.

Imponência arquitetônica da Prefeitura de Manchester
Colunas neoclássicas na Biblioteca central, no centro de Manchester
Por fim, visitamos o Manchester Art Gallery, que tem excelente acervo de obras de artistas plásticos do século XII, XIII, XIX e modernos. 

Manchester é uma cidade vale a visita por muitas outras razões: foi celeiro de inúmeras bandas de rock como Oasis, Morrisey, entre tantas outras. Vale lembrar também que nos anos 80, a cidade esteve novamente no centro das atençōes quando os trabalhadores e sindicatos da região foram foco de resistência contra a mão de ferro liberal da primeira-ministra Margaret Thatcher. 


Prédios modernos também fazem parte da arquitetura da cidade
Manchester, assim como Londres e Liverpool, também tem sua roda-gigante
Por fim, se você tiver tempo, Manchester abriga ainda museus temáticos muito interessantes, como o  Museum of Science & Industry.  E, para quem não dispensa uma tarde de consumo, a dica final é se esbaldar no Trafford Centre, segundo maior shopping do Reino Unido. 




Gostou? Compartilhe:

4 comentários:

  1. Olá Claudia, adorei o seu blog, encontrei coisas muito interessantes de ler e ver, sonho um dia ir a Londres e outras cidades do Reino Unido. Enviei um e-mail para você, gostaria que respondesse-me. Um grande abraço.
    Zuleika S Carvalho

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada por esse post maravilhoso e inspirador! Estarei em Manchester em breve, se Deus quiser!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Flavia ! Vc vai adorar Manchester ! E se tiver tempo, nao deixe de vir até Liverpool; é pertinho !
      Bj !

      Excluir
    2. Com certeza Liverpool receberá uma visita! Como uma boa fã de Beatles, tenho que dar uma passadinha ai!! Beijo e mais uma vez obrigada!

      Excluir